domingo, 13 de setembro de 2009

Mulher invisível

Isso não é uma qualidade, é talvez um dos piores defeitos existentes. É como se ninguém o visse, como se você realmente não existisse. É se sentir um nada.
Isso acontece! Acontece com uma menina, uma simples menina, que não queria mais do que viver feliz e simplesmente.
Mas o mundo se esqueceu dela, o mundo preferiu ignorá-la, e, ninguém nem sequer se deu o trabalho de explicá-la porque... Por que ela?
Ela que chora todas as noites e nem sabe exatamente o por que.
Ela que ainda sonha com um dia em que tudo vai mudar.
Ela que não pode se apaixonar pois, toda vez que o faz só se decepciona ou mais que isso, é humilhada, abandonada, esquecida!
Ela que prefere estar em meio a muitos mas, se isola.
Ela que sofre por tudo isso.
Ela que já tentou sair dessa vida, se sacrificando.
Ela que só quer ser ela mesma.
Ela que dificilmente o consegue!
Ela que só conhece uma pessoa que tem certeza de que nunca a abandonará, que jamais se esquecerá dela, alguém que a ama e que realmente se importa com ela.
És minha única razão para viver.
Te amo e adoro meu Senhor

2 comentários:

- Ingrid disse...

As vezes me sinto "mulher invisível"

Jéssica Marques disse...

É triste mas muita gente se sente assim