O adeus

"E se eu disser que vou mudar?
E se eu disser que nunca mais faço nada que possa de algum modo te machucar...
Por você eu faço isso, tudo, e muito mais...
Não ligo se não for correspondida.

Só peço que esteja ao meu lado quando com um último suspiro eu disser:
-Adeus!

Então, uma última e vã lágrima cairá de meus olhos...
E quero que aperte com força minha mão.
Para que minha alma sinta a última gora de amor
Que existe em teu peito.

E que descanse em paz!"
Texto escrito no dia 29-09-07, um sábado.

Comentários

vitória crancio disse…
Obrigada por me seguir! Estou retribuindo.
Saiba que tem um blog maravilhoso! Adorei.

Beijão!
Alex kelven disse…
Naum intendii ;x
Tina disse…
obrigada Vitória! :D

---------------------

Ah! Alex, se você entendesse não iria gostar ;x
Maldito disse…
É bom reciclar textos antigos,..momentos tb!
Inté!
Tina disse…
uhuum.. também gosto muitoo ^^

Postagens mais visitadas deste blog

O que eu quero.

"A bolsa amarela tava vazia à beça.