quinta-feira, 11 de julho de 2013

Resenha - O Prisioneiro do Céu - Carlos Ruiz Zafón


Título original: El prisionero del cielo
Título nacional: O Prisioneiro do Céu
Autor: Carlos Ruiz Zafón
Editora: Suma de Letras
Páginas: 248
Sinopse: Daniel Sempere já é um homem casado e pai de um filho, recebe a visita de um misterioso homem que procura por Fermín Romero de Torres. Então será quando descobrirá a dura historia de seu amigo e o quanto unidos estão um do outro.







É incrível como o Zafón ainda consegue me impressionar! Esse é o quarto livro de leio do autor, além da coleção "O Cemitério dos Livros Esquecidos", li também "Marina".

Conheci seu trabalho por acaso, enquanto vasculhava pela biblioteca e me apaixonei de cara. Ele tem uma linguagem única, o modo como consegue descrever cada detalhe de cada local ou pessoa é diferente de tudo o que já li.

Em "O Prisioneiro do Céu", o último livro lançado da coleção, podemos compreender muito do que acontece nos livros anteriores. Zafón nos dá diversas respostas e faz muitas revelações acerca do passado das personagens, coisas que sequer pude imaginar.

Leitura recomendadíssima para quem adora devorar o misto de suspense, drama, romance e terror, ambientado no clima inebriante Barcelonês de um dos meus autores favoritos.

5 comentários:

Juliana Caulo disse...

ESSE CARA <333
O conheci há pouco , com minha amiga, que adora ele e eu não podia ter tido melhor presente.

Deixei uma tag pra você lá no blog e aguardo suas respostas:
capuccinocomleitura.blogspot.com.br

Pedro Henrique disse...

Lerei-o em breve =D!
Já que você atiça minhas lombrigas não terei outra escolha em terminar o mais rápido possível o jogo do anjo pra mergulhar no fechamento dessa trilogia! *-*

Jéssica Marques disse...

Tenho minhas dúvidas de que seja um fechamento!

Jéssica Marques disse...

http://www.elcementeriodeloslibrosolvidados.com/

veja!

Pedro Henrique disse...

Zafón, seu safadinho lindo! *-*

Bem que você tinha tido que havia brechas para uma continuação! =D
Espero que seja tão bom quanto estão sendo seus sucessores! *----*