quarta-feira, 26 de maio de 2010

Abelhinha (esquete teatral)

Elenco:

· Ana Paula

· Lílian

· Jamille Marques

*As personagens tem os nomes de seus respectivos atores.

--//--

Jamille está no palco. Ana entra. Elas se cumprimentam.

JAMILLE: E aí? Quer ficar rica?

ANA: Todo mundo quer, né? Mas como?

JAMILLE: Com a abelhinha, ué?

ANA: Mas não é difícil?

JAMILLE: Que nada! É bem simples, é só você fechar os olhos e falar assim: “abelhinha, abelhinha, bota mel na minha boquinha”, e abrir a boca para ela colocar o mel.

ANA: Só isso? Então vou fazer – fecha os olhos – Abelhinha, abelhinha bota mel na minha boquinha – abre a boca.

Quando Ana fecha os olhos, Jamille enche a boca com a água de uma garrafa que já estava em um canto do palco desde o começo. Quando Ana termina sua fala, Jamille joga água em Ana que sai furiosa. Jamille ri. Lílian entra.

JAMILLE: Agora vou pegar outra trouxa!

LÍLIAN: O que aconteceu com a Ana?

JAMILLE: Ela quis ficar rica, mas primeiro teve que tomar um banho.

LÍLIAN: Ficar rica? Como?

JAMILLE: Com a abelhinha, ué?

LÍLIAN: Mas não é difícil?

JAMILLE: Que nada! É bem simples, é só você fechar os olhos e falar assim: “abelhinha, abelhinha, bota mel na minha boquinha”, e abrir a boca para ela colocar o mel.

LÍLIAN: Só isso? Então vou fazer – fecha os olhos – Abelhinha, abelhinha bota mel na minha... Mãozinha! – estende a mão.

Quando Lílian fecha os olhos, Jamille enche a boca com a água. Quando Lílian diz “mãozinha”, Jamille joga a água que estava em sua boca para o lado.

JAMILLE: Não, não é mãozinha! Faz de novo.

LÍLIAN (de olhos fechados): Abelhinha, abelhinha bota mel na minha... Bundinha – aponta para a bunda.

Quando Lílian fecha os olhos, Jamille enche a boca com a água. Quando Lílian diz “bundinha”, Jamille joga a água que estava em sua boca para o lado.

JAMILLE: Não, não é bundinha! Faz mais uma vez.

LÍLIAN (de olhos fechados): Abelhinha, abelhinha bota mel na minha... Cabecinha – mostra a cabeça.

Quando Lílian fecha os olhos, Jamille enche a boca com a água. Quando Lílian diz “cabecinha”, Jamille joga a água que estava em sua boca para o lado.

JAMILE (com raiva): Nãaaaaaaaaaaaaaaaaaao! Não é cabecinha!

LÍLIAN: Não? Então é o quê? Faz para eu ver.

JAMILLE (fechando os olhos): É abelhinha, abelhinha bota mel na minha boquinha. – abre a boca.

Quando Jamille fecha os olhos, Lílian enche a boca com a água. Quando Jamille termina sua fala, Lilian joga água na Jamille. Jamille sai furiosa.

2 comentários:

Anônimo disse...

Nossaaaa q interesante ! ÔÔÔhhhh.....

PODRE !!!!!!!!!!!

Tina disse...

A arte feita por um palhaço, em sua maioria, agrada apenas a crianças, porém, para um bom apreciador da verdadeira arte de rir o encanto nunca acaba.