segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Denali

Havia, há muito tempo, uma princesa, de nome Denali.
Ela vivia em seu castelo todo feito de ouro, no meio da floresta de Korba. Passava dias e dias penteando seus cabelos longos e negros, sentada na janela de seu castelo, enquanto observava o mar, sobre as montanhas.
Ficava, então, imaginando o que haveria entre ela e aquele imenso mar, além das montanhas.
A princesa Denali, por fim, decidiu sair de seu castelo em uma expedição de descoberta, como gostava de chamar.
Ia fazer, ia conhecer, ia ser, tudo perfeito em uma viagem perfeita.
Mas, já chegara a hora do crepúsculo e Denali ainda não conseguira sair do meio da floresta, ficava cada vez mais e mais escuro e Denali começou a ficar com medo.
Barulhos estranhos, o desconhecido era assustador.
Mas, Denali sabia exatamente o que fazer: traçou, sem demora, um círculo em torno de si, seu círculo de proteção, e assim ficou em seu refúgio feliz pelo resto da noite...

Nenhum comentário: